YoutubeFacebookTwitterInstagram
RECURSOS HÍDRICOS
Por Agência Alese | 13 de Setembro de 2017, 09h51
Augusto destaca parceria para garantir água aos sergipanos
O deputado lembra que, em julho deste ano, a Agência Nacional de Águas autorizou mais um corte na vazão do Velho Chico, que já se encontrava no nível mais baixo em 38 anos
CompartilharWhatsapp internalFacebook internalTwitter internal
928237a63789fc2a

Augusto lembra que a água sempre esteve em pauta nos seus mandatos

Nesta terça-feira (12), o deputado estadual Augusto Bezerra (PHS) destacou uma parceria feita entre os governos de São Paulo e de Sergipe, que visa assegurar água extraída das profundezas do Rio São Francisco aos sergipanos. Augusto chama a atenção para o fato de, cada vez mais, a vazão do rio estar sendo reduzida, colocando em xeque o abastecimento de água da Grande Aracaju e gerando outros problemas para a população.

“O governador de São Paulo, Gerado Alckmin, está emprestando ao nosso estado dois flutuantes com conjuntos moto-bombas com vazão de 4 m³/s. Com os aparelhos, será possível a capitação do volume morto, que é a reserva de água mais profunda do Rio São Francisco. Um rio castigado pela seca e por este projeto de transposição que tanto combatemos”, disse Augusto Bezerra.

Augusto lembra que a água, especialmente o Rio São Francisco, pela importância que tem para Sergipe, sempre esteve em pauta nos seus mandatos. “Sobretudo depois que o rio começou a apresentar uma baixa no nível cada vez mais perceptível, nunca escondi a nossa preocupação com a morte do rio. Dependemos dele. Fui contra a transposição e sempre me somei à ideia de revitalizar o Velho Chico”, disse Augusto.

O deputado lembra que, em julho deste ano, a Agência Nacional de Águas autorizou mais um corte na vazão do Velho Chico, que já se encontrava no nível mais baixo em 38 anos.

“Li no site G1 que o objetivo da redução da vazão é evitar que os reservatórios cheguem ao volume morto, até o fim deste ano. Eles escrevem que Sobradinho, na Bahia, está com 10% da capacidade. Observam que na hidrelétrica de Xingó, entre Sergipe e Alagoas, o rio parece um canal, porque os barcos maiores não conseguem navegar. Isso é preocupante. Água é vida”, disse Augusto.

“Castramóveis”

Nesta terça-feira (12), a Assembleia Legislativa aprovou, por unanimidade, a Moção 20/2017, de autoria do deputado Augusto Bezerra, solicitando ao presidente da República, Michel Temer (PMDB), e ao líder do governo no Congresso Federal, o deputado André Moura (PSC), que o Governo Federal faça a doação de dois “castramóveis” para o estado de Sergipe.

A ideia é utilizar os “castramóveis” nos municípios sergipanos como forma de controle populacional de cães e gatos, em sintonia com a Lei Federal 13.426. “Como explicamos na Moção, hoje, nascem, aproximadamente, 15 cães e 45 gatos para cada nascimento humano. Um casal de cães ou de gatos em idade de procriação poderá gerar 80.399.780 descendentes em 10 anos de suas vidas. Precisamos, urgentemente, de controle populacional de animais domésticos”, disse Augusto.